Livro: Como Eu Era Antes de Você - Jojo Moyes

terça-feira, junho 07, 2016

Como Eu Era Antes de VocêAos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Sua vidinha ainda inclui o trabalho como garçonete num café de sua pequena cidade - um emprego que não paga muito, mas ajuda com as despesas - e o namoro com Patrick, um triatleta que não parece muito interessado nela. Não que ela se importe. Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor tem 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de ter sido atropelado por uma moto, o antes ativo e esportivo Will agora desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Sua vida parece sem sentido e dolorosa demais para ser levada adiante. Obstinado, ele planeja com cuidado uma forma de acabar com esse sofrimento. Só não esperava que Lou aparecesse e se empenhasse tanto para convencê-lo do contrário. Uma comovente história sobre amor e família, Como eu era antes de você mostra, acima de tudo, a coragem e o esforço necessários para retomar a vida quando tudo parece acabado.

"Você só tem uma vida. Na verdade, é o seu dever vivê-la, tanto quanto possível."

O prólogo desta história já chega chegando, nos apresentando Will Traynor em 2007, fazendo planos com a namorada. Nota-se que Will tem a vida mais agitada que o tráfego de Londres e que o trabalho consome sua alma. Naquele momento, o dia agitado de Will, fora drasticamente interrompido. Parte das aventuras dissiparam e os planos, também.

Em 2009, conhecemos Louisa Clark ou simplesmente Lou, que perde seu emprego depois de seis anos, servindo num café. Lou vive com seus pais, o avô, a irmã e sobrinho pequeno. Apesar do momento nada favorável, seus pais a pressionam para arrumar um novo emprego e logo se vê nas tentativas da agência. Até eu ficaria traumatizada com a fábrica de processamento de frangos, vamos combinar...Lou acaba ficando com a vaga de cuidadora assistente. Trabalho perto de casa, pagamento excelente e não precisava limpar a bunda de ninguém. Então, ela conhece Will.

Will está tetraplégico. Agora ele é um homem cético, seu temperamento não é dos melhores. O início da amizade entre os dois não é fácil. Lou é doce e falante, a alegria que sente é transmitida pelo jeito excêntrico de se vestir. Sempre com roupas coloridas e estampas de gosto duvidoso. O contraste de personalidade lhe dá todos os motivos, para encerrar o contrato de seis meses. Porém, Lou descobre o porquê da validade do contrato - mesmo irritada - e decide fazer Will se apaixonar pela vida novamente. Ela pesquisa lugares, entra em fóruns, planeja viagens...mesmo Will tornando todas as ideias difíceis de concretizar, Lou não deixa seu esforço abalar.

Aos poucos ele aprecia toda ideia e esforço da moça. Will aceita Lou e se interessa em conhecê-la; questiona sobre sua vida e gostos. O que acaba se tornando uma espécie de jogo. Com todas as perguntas sobre Lou, ele soa meio zombador ao comentar. Mas, a intenção é incomodá-la, para que aja e saia da zona de conforto. Os dois estão cada vez mais próximos e prontos para entender melhor o mundo um do outro. Contudo, toda aproximação e quaisquer sentimento que possa surgir, não impedem o lado duro de Will de estar superior a tudo.

"Fechei os olhos, apoiei a cabeça no encosto da cadeira e ficamos ali mais um pouco, duas pessoas perdidas nas lembranças sonoras, meio ocultas à sombra de um castelo numa colina iluminada pela lua."

Eu não gosto de chorar lendo. Sério, pode soar esquisito ou frio, mas eu não gosto. Isso faz com que eu adie várias leituras. Não sei se é a carga de drama em cada página; não sei se é medo do final. Mas, eu não gosto. Fora a dor de cabeça - sério - que se instala. Com todo esse mimi, muito relutante, iniciei a leitura deste livro e nas primeiras páginas, eu estava rindo...? E depois mais risadas e mais...e então, meio familiarizada com todos os personagens, querendo ser amiga da Lou e aconselhá-la. Principalmente, aconselhar a largar daquele namorado pedante. A gente cai nessa, quando está MUITO carente e vai empurrando com a barriga e aceita qualquer coisa. Mas, aí tinha Will. Ele usava o mau humor para abrir os olhos dela e fui gostando do desenvolvimento dele, a cada página.

A escrita de Jojo Moyes é cativante e envolvente. Conduz sua narrativa de forma descontraída e abusa do drama em momentos necessários, como se estive preparando o terreno. Os personagens são bem construídos e convencem, não é difícil se identificar com algumas situações que rondam a vida da protagonista. Não só com a idade, a preocupação com emprego, mais a pressão dos pais e meio que partes da zona de conforto, me identifiquei bastante com a Lou. Certamente, Louisa Clark é uma das personagens literárias que mais simpatizei até hoje.

Outro ponto que me agradou, foi a autora dividir as narrativas. Não é só Lou que está vivenciando tudo aquilo e sendo afetada. Temos os pais de Will, a irmã dela...A Camilla, mãe do Will, inicialmente exala frieza. Porém, só o ponto de vista dela - na narração - me fez conhecê-la melhor e compreendê-la.

" - Eu não faço nada, Srta. Clark. Não posso mais fazer nada. Eu fico sentado. Apenas existo."

Com mil pessoas comentando sobre a história, fica difícil escapar de spoilers sobre o final. Mas, eu meio que consegui. Na verdade, enquanto todos indicavam a leitura destacando o lado triste, minha mente desenhava possíveis desfechos. Fiquei com coração apertado, pois pensei em pessoas na mesma situação, como crescem e lidam com as barreiras a cada dia. Daí não vou aprofundar mais, porque estaria dando spoilers para vocês, mesmo que nas entrelinhas...

Se você deseja ler, leia! Senão, apenas assista o filme que estreia no Brasil dia 16 de Junho. Emilia Clarke, aka mamis dos dragonetes em Game of Thrones, interpreta Lou. Já Sam Claflin, de Simplesmente Acontece, interpreta Will. E engraçado que o pai dele também será interpretado por um ator de Game of Thrones, Charles Dance que fazia o Tywin Lannister. A essência pode te deixar curioso para mais de Lou e Will e como há um plot - que não vou contar - que a produção optou por deixar de fora, talvez te aguce mais...

E gente, eu li esse livro em dois dias enquanto tem uma menina no meu Skoob, que está há um mês. Sei porque ela salva as páginas e comenta como está a leitura. Fiquei me sentindo mal. O.o


I Dare You - Desafio Literário
Essa leitura fez parte do Desafio I Dare You 2016
Desafio de Maio: Livro Recomendado

Autora: Jojo Moyes
Título Original: Me Before You
Origem: Literatura Britânica
Editora: Intrínseca
Tradução: Beatriz Horta
ISBN: 9788580573299
Publicação: 2013
Páginas: 320
Série: Sim - Me Before You
#1: Como Eu Era Antes de Você
#2: Depois de Você
O Que Tem?: Romance, Drama, Conflitos vida x morte

You Might Also Like

16 COMENTÁRIOS

  1. Olá!!!

    Não dá para sobreviver a essa história sem derramar 500.000 lágrimas no mínimo. hahaha O filme vem aí e estou MEGA ansiosa!

    Beijos,
    Postando Trechos

    ResponderExcluir
  2. Oiii Nana querida!
    Ahhhhh vc leu esse livro! Impossível não se emocionar né? Vai fazer uns 3 anos que li ele, e até hoje eu não o superei... É um história triste e envolvente que mudou tanto tanto minha forma de pensar, parece que me deu a clareza de que sua vida pode mudar em instantes e aquilo que você tinha não pode ter mais, além de abrir minha visão para as dificuldade de um deficiente... Esse livro é simplesmente demais... Eu não queria te corrigir, mas já corrigindo, é dia 16 de junho nos cinemas querida...
    Beijinhos!!
    Beijinhos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim e super concordo com sua opinião, também ♥
      Obrigada, eu tinha esquecido que eles haviam adiantado a estreia. Já corrigi
      bjs e obrigada pelo comentário :D

      Excluir
  3. Esse foi um dos melhores livros que eu já li em toda a minha vida! É impossível não se apaixonar por essa história. Ahhh estou fazendo a contagem regressiva pra o filme que estreia dia 16 de Junho nos cinemas. Hahaha Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Menina, confesso que não tenho estrutura pra ler esse livro não. Mas o filme, com certeza vou conferir!

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    ROMANTIC GIRL

    ResponderExcluir
  5. Oi, tudo bem? Sou uma das poucas pessoas que ainda não leu esse livro. Gosto de livros tristes (sou meio psicopata), mas esse livro todos falam que é tão triste, que eu nem sei se eu aguento, rs. Mas ainda vou ler ele!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  6. Oi Nana!

    Super em identifiquei com vc, eu tb não gosto de chorar lendo e por esse motivo fico adiando esse livro até hoje, mas verei o filme e sim, eu acho que irei chorar horrores, mesmo já sabendo o final, foi impossível ficar sem spoilers rsrsrss

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  7. Oi Nana,
    Esse livro é uma amor. Adorei a história do começo ao fim e como você disse é muito fácil se simpatizar com a Lou.
    Estou muito ansiosa para assistir o filme *----*
    Como assim essa menina está lendo há um mês? :O O livro é tão bom que fica difícil não ler ele rápido.
    Bjs e uma ótima noite!
    Diário dos Livros
    Siga o Twitter


    ResponderExcluir
  8. Oie,
    ja ouvi falar tanto deste livro,mas confesso que ainda não comprei rsrsrsr
    Parece ser bom e o filme esta fazendo um bom barulho

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi, Nana.
    Tenho tanta vontade de ler esse livro, mas tenho outros na frente.
    Ainda bem que vem o filme aí e esse eu não perco.
    Sua resenha ficou bem detalhada.
    Deu pra entender melhor o enredo da história.
    Abraços.
    Diego || Diego Morais Viana

    ResponderExcluir
  10. Oi,
    Então como você fiquei curiosa a cerca de todo os comentários acerca dessa história, mais curiosa ainda fiquei ao saber do filme que ia sair, então não teve jeito eu acabei comprando e passando ele na frente da minha fila. Sabe que gostei da história, apesar de ser um pouco previsível o final, fiquei meio assim também porque achei que ia derramar lágrimas, mas parece que somente o Sr Sparks conseguiu fazer isso comigo até o momento. Estou curiosa para saber como será o filme.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    leiturakriativa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Oi Nana!
    Eu já me apaixonei pelo trailer do filme. Não li o livro, queria ler até mas acho que vou acabar só vendo o filme mesmo.
    Já vi que vou ter que levar uma caixa de lenços pro cinema :(

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  12. Oi Nana! Este livro é lindo, nem estou empolgada com o filme com medo de a adaptação estragar uma história maravilhosa, vou ver sem expectativa. Eu chorei horrores.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  13. Oi, oi Nana!
    Eu comprei esse livro justamente para ler antes do filme, apesar de não saber se irei realmente vê-lo, então tô bem animada para leitura! Adorei a resenha!
    Abraços! ;)
    Borboletas de Papel | Fanpage

    ResponderExcluir
  14. Nanaaaa...!
    Diferentemente de você, eu gosto de romance tristes. Hahaha...
    Eu, sempre que posso, busco ler algum. Fico dias com a história na cabeça e beeem depressivo, mas faz parte. (Okay, sou estranho.)
    Eu quero ver o filme logo. Estou deveras curioso e sou apaixonado pelo Will. Ele tem todas as características que admiro em um homem (pena que não existe um, perdido por aí).
    Adorei saber sua opinião. E teu lado capricorniano ficou bastante ativo quando você ficou rindo no início do livro. rçrç
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Eu li essa livro e me apaixonei por ele, mas confesso que chorei no final, fiquei chateada com ele..
    bjoos
    www.gizahcastro.com

    ResponderExcluir

Olá sejam bem vindos e deixem suas opiniões, com respeito, aqui.

Algumas observações:
- Comentários que não tenham relação com a postagem, serão removidos e não serão respondidos.
- Divulgações, exceto de autores, são removidas e não são respondidas.
- Comentários irrelevantes como: 'ah adorei a postagem', 'adorei a coluna', 'que legal o post' e outros no mesmo nível, são mantidos mas não são respondidos. Até porque, o que iríamos responder, né?

Popular Posts

Like us on Facebook

Subscribe