Livro: O Prisioneiro / A Concubina - Hope Tarr e Jade Lee

terça-feira, julho 12, 2011

Essas histórias fazem parte de 'Doce Volúpia', livro dueto da Harlequin, lançado em 2009.



O Prisioneiro - Hope Tarr
Fraser 01
Escócia do século XV, um lugar e um tempo em que era difícil ser mulher e estar no comando. Para Brianna MacLeod, nova chefe de seu clã, sua primeira tarefa era conceber um herdeiro que assegurasse sua posição. E a melhor forma de conseguir isso seria sequestrando Ewan Fraser, um homem por quem sentia uma forte atração... e também um de seus mais poderosos inimigos.

Essa foi a história que mais gostei entre as duas. Brianna ainda adolescente conhece Ewan. E prontamente já gostam um do outro, chegando até fazer juramento de sangue. Ewan jura que depois de sete anos a reclamará como noiva e ela jura que não tomará ninguém como marido, a não ser ele.

Mas claro, que nada disso acontece, porque Ewan e Brianna são de clãs diferentes. Aquela velha história de famílias que se odeiam...dez anos se passam e nada do que juraram se cumprem. O pai de Brianna morreu e ela assume seu lugar em frente ao clã, o marido dela acaba morrendo e ela pensa que o clã de Ewan que o matou...E é aí que sobra para ele....

Ewan e seu kilt
Brianna sequestra Ewan com a seguinte ideia: de gerar um filho, sangue dos dois clãs, como se fosse um tratado. E com todas essas tentativas de gerar o tal herdeiro, acaba renascendo a paixão entre eles. Por bem ou mal, acaba descobrindo que o inimigo mora em casa.

Essa autora é bem danada, coloca o nome do cara de Ewan, escocês...é impossível não lembrar do Ewan McGregor durante a leitura...com aquele kilt..Bem dizer que na cena da corrente adorei imaginar ele...

Essa história ganhou uma continuação, por causa do relacionamento que nasce entre a criada de Brianna, Alys e o irmão gêmeo de Ewan, Callum. Conquistou o pessoal e a autora aproveitou e fez uma história só para eles chamada: Twelve Nights.


A Concubina - Jade Lee
Chen Ji Yue esta a caminho da corte na China do séc. XIX. Para se tornar imperatriz e cobrir sua família de honras, ela precisa apenas ser pura, tolerar intrigas, superar 299 rivais... e não se envolver com Sun Bo Tao, o melhor amigo do imperador e um homem bastante... atraente. Ji Yue está em sérios apuros. Afinal, ele é irresistivel... e não parece nem um pouco inclinado a se afastar dela...

Bom sempre virei a cara para romances históricos, esse foi o primeiro que li, a outra história eu curti. Essa não!

Eu já disse aqui que tenho sérios problemas com nomes de personagens e essa se passa na China, então logo imaginei que teria problemas com a leitura. E tive! Muitas vezes confundi o nome da protagonista com um outro personagem do livro.

A inocente, muito inocente, Ji Yue se une a mais 299 garotas para se tornar a imperatriz e ajudar sua família, mas logo no meio do caminho ela conhece Tambor...oops Bo Tao que é melhor amigo do imperador e ajuda a selecionar a imperatriz. E desenvolvem uma 'amizade', ele passa a ajudá-la no concurso e claro aproveita.

Esse a protagonista não tem nenhuma amiga, porque como é concurso elas são rivais e vivem as torras. Então Tao exerce a função do 'amigo' e 'enamorado'.

*As avaliações com desenho da pimenta indicam que há cenas eróticas no livro.

Autoras: Hope Tarr e Jade Lee
Origem: Literatura Americana
Título Original: Bound To Please / The Concubine
Editora: Harlequin
TraduçãoCelina Romeu
Publicação: 2009
ISBN: 9788576878278
Páginas: 311
Série: O Prisioneiro - Sim
#1: O Prisioneiro
#2: Twelve Nights
Série: A Concubina - Não
O Que Tem?: Romance, Escócia, China

You Might Also Like

15 COMENTÁRIOS

  1. Gostei da resenha, apesar de não costumar ler romances de banca. Fico com preguiça, sabe? Não estão em minhas preferências não... e o Evan com o kilt... impagável! rs

    Bjs,
    Kel - It Cultura
    www.itcultura.com

    ResponderExcluir
  2. iUHAuahIUa
    Adorei o post, e ri horrores!
    Não li nenhuma das duas histórias ainda, costumava a ler mais livros de banca quando não trabalhava e não tinha dindim para comprar livros...
    Eu não tenho tanto problema assim com nome de personagens, mas chinês? Também não dá para avacalhar né!

    Beijinhos
    Conjunto da Obra

    ResponderExcluir
  3. Sabe que eu nunca li nenhum desses romances de banca? Aqui em casa tem milhões, porque minha mãe é apaixonada por essas coisas, mas eu nunca tive a disposição pra pegar um livro desses e ler as duas histórias! Mas ri muito nessa sua resenha, principalmente da foto do cara e com essa parte aqui: "no meio do caminho ela conhece Tambor...oops Bo Tao" - HAHAHA, muito boa!!

    =*
    http://livrosletrasemetas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Esta capa hein? Segura peãoooooo! Quando lia os made in banca adorava histórias com escoseses. Seres de kilt me enlouquecem... Ewan McGregor♥♥♥♥♥
    "And you can tell everybody, That this is your song" Me empolguei! Sou muito pirada, leio resenha de livro que provavelmente não lerei (que verbo esquisito)! É que é divertido! Ai Ewan tem irmão gêmeo!!! Adoro! Acho que já ouvi falar da Concubina... O título do post me fez pensar que a resenha fosse do livro "O Prisioneiro e a Concubina", que soa muito bem né?
    Eu já disse que o blog está lindo?

    ResponderExcluir
  5. Tô louca para ler uns romances de banca. Adoro esse tipo de história.

    Acho que eu ia gostar desse livro.

    Beijos, Nana!

    ResponderExcluir
  6. Oi, Nana :)

    Eu leio romances de banca. Gosto muito!
    O enredo dos dois livros são muitos bons. Mas me interessei mais pelo segundo, "A Concubina". Tive até a impressão de já ter lido o livro , mas estou confundindo com outro. :p
    Quero ler esse. Não gosto de nomes difíceis, pq confundo; mas como se passa na China... Eu vou procurar ler mesmo assim! :D
    Só não sei se vou encontrar os livros. E talvez demore pra pôr a leitura em dia.

    Bjs ;)

    ResponderExcluir
  7. Tambem gostei da 1° resenha e já ate coloquei o livro na minha lista
    Essa estoria de clãs inimigos me anima
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Já vi esse livro em algum lugar, (lembro da capa) acho que foi no sebo... Mas não comprei justamente por causa da segunda história (China? Blah!)
    Mas a primeira história parece ser legal e bem divertida também! Ewan de kilt aiaiai
    Vou ver se acho...

    Romances de banca históricos são bem legais, se vc ainda continuar lendo (depois dessa da China, vai saber) eu recomendo a Margareth Moore e a Deborah Simmons que escrevem muito bem. E, além do mais, a maioria dos livros 'de época' que elas escrevem são do periodo medieval, que é meu favorito hehe

    Mas falando do Transformers... Acho q não gostei pq não assisti os primeiros, pode ser isso. Mas se vc gosta das explosões vai amar esse filme, a sequencia final é pura ação! =p

    teh mais

    ResponderExcluir
  9. Nana, a hora que li "Prisioneiro" ali em cima, jurei que você ia fazer resenha de Harry Potter e o Prisioneiro de azkaban! HAHAHAHA
    POXA VIDA! EU AMO O EWAN! Fiquei curiosa com o primeiro livro...
    não curto muito romances históricos mas vai saber né? haha

    Beijoos

    ResponderExcluir
  10. Oi Nana :)
    Adorei o primeiro livro, hahaha e a foto do Ewan com o kilt aushuahsuahsuhas
    Nunca li romance de banca, mas tenho muita vontade e curiosidade!
    Já a segunda história não despertou interesse! Provavelmente iria me confundir com os nomes tbm :S uhsuahsuhas
    Obrigada pela visita e pelo comentário!
    Tem post novo no blog: Novidades Literárias #8
    Participe das promoções do blog -> http://migre.me/5e4eo
    Passa lá :)
    Beijos, Nath
    @brgnat
    Books In Wonderland - http://booksinwonderland.com

    ResponderExcluir
  11. Realmente a primeira historia é muito boa. Fui lendo, lendo até que acabou a resenha. =/
    Vou procurar pra ver se acho esse livro por aqui..como é de banca, é meio complicadinho de achar..rs

    bjinhuxxx
    Eu li e Divulgo

    ResponderExcluir
  12. Eu amoooo romance! adorei a dica! bjs

    ResponderExcluir
  13. Gente to passada
    Girl Power total nesse livro ne?
    ^^
    Gostei ^^

    ResponderExcluir
  14. Nanaaaa, tem cenas hots? hauhauahauahua Não li nada (ainda) da Harlequin e, olhe, estou muito curiosa. heheh

    A segunda história, realmente, bler. Não gosto de personagens chineses. hauhauahaua

    =***

    May
    www.itcultura.com

    ResponderExcluir
  15. Adoro romances históricos, só não gosto de pensar nos kilts.. eles são tão estranhos .-.
    Nomes chineses/japoneses sempre me confundem! Tenho um romance de banca comigo que passa em Singapura e uns nomes bem diferentes e parecidos também. HSUAHSUAH CONFUSÃO total pra minha cabeça. x.x'
    www.yasmim-namen.blogspot.com

    ResponderExcluir

Olá sejam bem vindos e deixem suas opiniões, com respeito, aqui.

Algumas observações:
- Comentários que não tenham relação com a postagem, serão removidos e não serão respondidos.
- Divulgações, exceto de autores, são removidas e não são respondidas.
- Comentários irrelevantes como: 'ah adorei a postagem', 'adorei a coluna', 'que legal o post' e outros no mesmo nível, são mantidos mas não são respondidos. Até porque, o que iríamos responder, né?

Popular Posts

Like us on Facebook

Subscribe